Reduzir fonteLetra tamanho normalAumentar fonte

Freguesia de Nossa Senhora do Pranto

História e outras informações desta freguesia.

A Lei n.º 11-A/2013 de 28 de janeiro aprova a reorganização administrativa do território das freguesias.
A Freguesia de Nossa Senhora do Pranto foi criada por agregação das freguesias de Dornes e Paio Mendes.

Junta

Junta de Freguesia de Nossa Senhora do Pranto

Contacto

Imagem do contacto
Morada:
Rua da Filarmónica Frazoeirense N.º 28 2240-612 Dornes FZZ

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Telefone: 249366745

Fax: 249366665

Telemóvel: 963336982

http://www.nossasenhoradopranto.pt

Outras informações

Outras informações:

PRESIDENTE: Manuel dos Santos Nunes PS

 

Caracterização

Dados dos censos 2011 - freguesia de Dornes.
Total de população residente: 594
Total de homens: 288
Total de mulheres: 306
Dados dos censos 2011 - freguesia de Paio Mendes.
Total de população residente: 495
Total de homens: 239
Total de mulheres: 256

História

Dornes

Dornes foi concelho até 1836 com foral dado pelo rei Venturoso em 1513. Formando península banhada pela albufeira de Castelo de Bode, teve origem numa igreja mandada construir pela rainha Santa Isabel, num penhasco onde existe um torre templária.
Esta torre Pentagonal, de cunhais calcários enquadrando muros xistosos, traçado irregular e única no País, terá sido ou não, edificada sobre o que restava  de uma outra atribuída a Sertório.
A vila de Dornes foi Comenda da Ordem de Cristo mas hoje é essencialmente u  dos mais belos quadros da riquíssima paisagem portuguesa. A subida e alargamento das águas do Zêzere que andam por aqui em enormes curvas apanhadas pelas encostas, muito contribuiu para tal desiderato.
Na sua igreja matriz são de destacar os azulejos, o órgão de tubos, as imagens de pedra de Nossa Senhora do Pranto e de Santa Catarina, e o belo óleo figurando o "descanso na fuga para o Egipto".

Paio Mendes

Esta localidade deve o nome ao fundador da primitiva povoação que fazia parte  do Distrito do Castelo de Ceras, doado por D. Afonso Henriques aos Templários. Quando após a extinção da Ordem, se fez divisão das comendas, todos os lugares que actualmente constituem a freguesia faziam parte de Dornes.
A instituição da freguesia ocorreu já na segunda metade do século XVI e com a data de 2 de Janeiro de 1582 existe uma carta passada aos moradores de Paio Mendes, permitindo-lhes que tivessem carniceiro que matasse gado ao mesmo preço do de Dornes. O assento mais antigo da freguesia data de 1592 e a Casa Infantado possuía aqui vastos terrenos.
A igreja paroquial foi construída em 1617 mas ao longo dos tempos foi sujeita a diversas reformas que alteraram o prospecto primitivo. Guarda uma preciosa Cruz Processional, de prata, renascentista, com ornatos gravados no estilo da época, a bola, decorada com cabeças de anjo e os remates da haste e braços, torneados delicadamente.

Heráldica

Dornes

Brazão de Dornes

Paio Mendes

Brazão de Paio Mendes

Interesses

Dornes

Actividades económicas: Aviários, pomares, vinha e floresta
Festa e Romarias
Património: Torre Pentagonal e Igreja Matriz

Paio Mendes

Actividades económicas: Agricultura (pomares), transformação de madeiras, fabrico de baixas para legumes e garrafas de vinho, pecuária, e aviários
Festas e Romarias
Património: Solar dos Cotrims, várias capelas, igreja matriz e o pinheiro de centenário
Artesanato: Marcenaria e sapataria manual
Orago: S. Vicente

Torre e Igreja de Dornes

img02img03img04img05

Eventos

dezembro 2017
Seg.Ter.Qua.Qui.Sex.Sáb.Dom.
1
2
3
4
5
6
7
10
11
12
13
14
15
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Aplicação Descubra Ferreira do Zêzere
SosVespa

Os cookies ajudam ao correto funcionamento deste sítio. Política de privacidade .

Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a sua utilização.
Política de privacidade